Área de composição

  1. Apresentação de um portfólio com obras que o candidato considere relevantes na sua produção, integrando, sempre que possível, gravações de execuções públicas das mesmas;
  2. Texto escrito, em Português ou Inglês, justificativo da escolha das obras incluídas no portfólio apresentado, a entregar no dia da realização da entrevista;
  3. Entrevista, com a duração aproximada de 20 minutos, para discussão do portfólio;

Área de direção coral/direção de orquestra

  1. Apresentação de portfólio onde deve constar a experiência na área da Direção e um DVD com obras dirigidas pelo candidato em pelo menos duas formações distintas - a título de exemplo: Orquestra de Sopros/Banda, Orquestra Cordas/Sinfónica, Coro a cappella de maior dimensão, Ensemble ou Grupo Vocal a cappella de menor dimensão, Coro e Orquestra (Sinfónica, de sopros ou de cordas), Coro e Ensemble Instrumental, Ensemble Instrumental Misto.
  2. Texto escrito, em Português ou Inglês, justificativo da escolha das obras incluídas no portfólio apresentado, a entregar no dia da realização da entrevista;
  3. Direção Coral: execução de peça obrigatória (Chichester Psalms de Bernstein - qualquer um dos andamentos).
  4. Direção de Orquestra: a prova prática durará, aproximadamente, 15 minutos, e consistirá num ensaio de 5 minutos, seguindo-se os restantes 10 minutos para a execução da peça obrigatória (1º andamento da Sinfonia nº2 Op. 36 de Beethoven).
  5. O júri reserva-se o direito de interromper a prova prática antes do fim dos 15 minutos.

Área de instrumento/canto

  1. Execução de um programa preenchido com obras contrastantes de livre escolha do candidato, com a duração aproximada de 20 minutos;
  2. Texto escrito, em Português ou Inglês, justificativo da escolha do programa apresentado, a entregar no momento da realização da prova prática;

NB: O júri reserva-se o direito de não ouvir as obras na íntegra

Área de jazz

  1. Prova prática de instrumento:
    1. Execução a solo, ou com um músico acompanhador, de 3 temas de carácter e tempo contrastantes, de livre escolha do candidato (melodia e improviso, comping), com play-a-long (Aebersold, irealb)
    2. No caso de ser acompanhado, o candidato é responsável pela pontualidade do seu acompanhador, assim como pelo material necessário para a execução (instrumentos, cabos, etc.), com excepção de piano ou bateria e amplificadores, que estarão disponíveis na sala
    3. Prova de leitura à vista (melodia e cifra, com improvisação; para bateristas, estudos rítmicos e/ou peça de big band).
  2. Texto escrito, em Português ou Inglês, justificativo da escolha do programa apresentado, a entregar no momento da realização da prova prática.

Notas:

- Todos os candidatos deverão trazer partituras dos temas escolhidos para execução.
- Vocalistas deverão obrigatoriamente escolher pelo menos um tema com letra e outro "instrumental" (sem letra); microfone e amplificador são fornecidos pela ESML.
- Bateristas deverão mostrar conhecimentos sobre rudimentos (single stroke, double stroke, paraddidle simples, duplo e triplo), swing (4/4 e 3/4), latino, bossa nova; deverão ainda trazer baquetas e vassouras.
- Guitarristas e baixistas deverão trazer os cabos necessários; amplificadores são fornecidos pela ESML.
- Os candidatos deverão trazer os seus play-a-longs (smartphone, leitor mp3, tablet ou pc).
- Os intrumentos leccionados são: voz, saxofone, trompete, trombone, piano, guitarra elétrica, contrabaixo e bateria. Candidatos a outros instrumentos deverão exibir um domínio técnico que o Júri considere bastante, uma vez que podem vir a ter aula de instrumento com outro instrumentista.

Critérios de avaliação

É feita uma avaliação global da execução, tendo em conta os seguintes elementos (notados a título indicativo numa grelha de insuficiente, suficiente, bom, muito bom): qualidade de som e afinação; competência técnica (articulação, destreza, etc.); sentido rítmico; noção de forma/harmonia (grau de consciência harmónica no improviso); criatividade/vocabulário; expressividade/musicalidade e leitura à vista.